Os preços do algodão em pluma têm recuado neste mês. No acumulado parcial de maio, o Indicador CEPEA/ESALQ com pagamento em 8 dias, referente à pluma 41-4, posta em São Paulo, caiu 2,3%, fechando a R$ 2,1301/lp nessa terça-feira, 12. Segundo pesquisadores do Cepea, apesar das recentes quedas nos valores da pluma, compradores se mantêm cautelosos para novas aquisições, queixando-se dos patamares que continuam elevados. Além disso, muitos representantes de indústrias alegam estar abastecidos. Essa retração compradora tem levado parte dos cotonicultores a ser flexível quanto aos preços de venda; outros, contudo, se mantêm firmes, fundamentados na baixa oferta de pluma de qualidade. Esse cenário tem elevado a disparidade entre os preços ofertados por compradores e os pedidos por vendedores e reduzido a liquidez interna. Pesquisadores do Cepea indicam que até mesmo a comercialização envolvendo a pluma da próxima safra (2014/15) está desaquecida.

Fonte: Agrolink